Quinta-feira, 21 mai 2020 - 12h10
Por Maria Clara Machado

Poderoso Amphan deixa rastro destruição na Índia e em Bangladesh

A tempestade ciclônica Amphan, altamente destruidora, perdeu força ao passar pela costa da Índia e de Bangladesh e deixou um grande rastro de destruição em seu caminho. As autoridades indianas consideram a “situação muito grave”. Resquícios da tempestade ainda atuam na região nesta quinta-feira.

Destruição em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan na quarta-feira. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta<BR>
Destruição em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan na quarta-feira. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta


Amphan tocou a terra pela cidade litorânea de Digha, em Bengala Ocidental, na Índia e pelas Ilhas Hatiya, no lado Bangladesh, provocando chuvas torrenciais e perigosas. Os maiores danos ocorreram entre Bengala Ocidental e Sunderbans, na fronteira com Bangladesh, que sofreram imensa destruição, segundo as autoridades.

A ministra-chefe de Bengala Ocidental, Mamata Banerjee, declarou hoje que “a situação é muito grave”. A comunicação nas áreas atingidas pelo Amphan foi totalmente interrompida com as linhas de eletricidade completamente danificadas, por isso ainda não há como estimar a extensão exata dos danos e de vítimas.

A destruição está por todo o lado, com casas destruídas, árvores e postes derrubados e cortes de energia elétrica. Os rios e aterros estão submersos e o setor agrícola totalmente afetado, disseram as autoridades.

Destruição em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta<BR>
Destruição em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta

Inundação em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta<BR>
Inundação em Bengala após a passagem do intenso ciclone tropical Amphan. Crédito: Imagem da região divulgada pelo twitter @PratimDGupta

Todo o tempo em que o intenso ciclone tropical Amphan se deslocava pela Baía de Bengala esta semana, os esforços de evacuação das áreas vulneráveis foi constante. O super ciclone Amphan chegou a registrar ventos de 260 km/h no início da semana igualando a um furacão categoria 5, na escala de ventos Saffir-Simpson. Amphan chegou à costa com ventos próximos a 200 km/h nesta quarta-feira.



Quinta-feira, 9 jul 2020 - 10h15


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2020