Segunda-feira, 5 ago 2019 - 11h14
Por Maria Clara Machado

Tempestade tropical Lekima é a próxima a se aproximar do Japão

Nem bem a tempestade tropical Francisco avançou ao sul do Japão, outra tempestade se formou no Pacífico e deve ganhar força podendo evoluir para um tufão nos próximos dias. Lekima é a próxima tempestade a atingir as ilhas ao sul do Japão, Taiwan e a costa da China.

Tempestade tropical Lekima ganha força sobre a as águas do Oceano Pacífico. Crédito: Apolo11.com
Tempestade tropical Lekima ganha força sobre a as águas do Oceano Pacífico. Crédito: Apolo11.com

A tempestade tropical Lekima avança no oceano ao largo da costa leste das Filipinas com ventos máximos sustentados de 74 km/h nesta segunda-feira, dia 5, segundo o Serviço de Meteorologia do Japão. Lekima promete se intensificar com rajadas de vento que poderão superar os 100 km/h nos próximos dias. A projeção é que na quinta-feira desta semana, Lekima seja um poderoso sistema se transformando em tufão, com ventos que poderão atingir 157 km/h.

Embora, o centro da tempestade esteja ao leste das Filipinas neste começo de semana, Lekima segue rumo a Taiwan e a Fujian, na China, influenciando também as ilhas ao sul do Japão.

Trajetória da tempestade tropical Lekima nos próximos dias. Crédito: Serviço Meteorológico do Japão.
Trajetória da tempestade tropical Lekima nos próximos dias. Crédito: Serviço Meteorológico do Japão.

Francisco provoca tempestades
O sul do Japão já está em alerta para a passagem de Francisco, que ganhou força durante o fim de semana e agora é um tufão. Ele deve se aproximar de Kyushu na noite desta segunda-feira e são esperadas chuvas fortes. As ilhas ao sul do Japão foram afetadas pela passagem de Francisco, com tempestades e elevação das ondas.

Francisco ganha força sobre o sul do Japão. Crédito: Apolo11.com
Francisco ganha força sobre o sul do Japão. Crédito: Apolo11.com

Três naufrágios nas Filipinas
Chuvas torrenciais e o mar muito forte com ressaca já foram observados na região central das Filipinas durante este fim de semana, o que resultou em três naufrágios na travessia de 20 minutos entre a cidade de lloilo e a província de Guimaras. As informações divulgadas pelos serviços de emergência do país são de 25 vítimas fatais e pelo menos 55 resgatados e atendidos pela Cruz Vermelha.





Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2019