phellipef    Patrocínio, MG e Florianópolis, SC - XX em 17/10 - 13h57   
A histórica onda de calor que afeta parte do Sudeste, Centro-Oeste, Nordeste e Norte do Brasil fez as temperaturas quebrarem recordes absolutos em várias cidades do país nos últimos dias. Só ontem tivemos mais de 40 cidades com temperaturas acima dos 40ºC, sendo a maior de 42,4°C no Rio de Janeiro. BH e Goiânia registraram as maiores temperaturas desde o começo dos registros, 37,4ºC e 39,8ºC, respectivamente. O calor segue forte e os recordes de calor podem continuar a ser quebrados, pois por volta de terça o segundo pulso da onda de calor terá início e BH, Goiânia, SP, Brasília, Rio e várias cidades do interior do país, principalmente do Triângulo, Centro norte de MG e SP e todo estado de Goiás podem ter seus recordes absolutos quebrados. Alguns modelos começam a mostrar a possibilidade da quebra do bloqueio no próximo final de semana. Outubro em áreas de GO, SP e MG podem terminar com temperaturas de mais de 5ºC acima da média.

No Sul as chuvas estão previstas para continuar a causar problemas. De terça em diante as chuvas estão previstas para voltarem a se intensificar no RS e SC. Outubro deve terminar com temperaturas bem abaixo da média nos dois estados.

Na Argentina, Outubro deve terminar como um dos mais frios da história, sendo que em alguns locais a temperatura está 6ºC abaixo da média. Nos Andes o acumulado de neve está em níveis recordes para Outubro.

phellipef Patrocínio, MG e Florianópolis, SC-XX comentou em 20/10 - 15h46
Segundo pulso da onda de calor se iniciou nesta terça.

Quarta, Quinta e Sexta o calor será em níveis jamais vistos nos estados de Goiás, boa parte de Minas, São Paulo e Mato Grosso do Sul. Belo Horizonte, Brasília, São Paulo e Goiânia podem registar as maiores temperaturas desde o começo dos registros.

phellipef Patrocínio, MG e Florianópolis, SC-XX comentou em 20/10 - 15h34
Koppu causou acumulados de quase 1000 mm em 72 horas em cidades das Filipinas, causando grandes inundações e deixando pelo menos 12 mortes. O ciclone deve se dissipar dentro de poucos dias. Champi chegou na categoria 4, mas já está se enfraquecendo e deve ameaçar apenas pequenas ilhas pouco povoadas em alto-mar. Ciclone Olaf chegou próximo da categoria 5, mas já enfraqueceu um pouco nas últimas horas e não está previsto para ameaçar nenhuma localidade.
phellipef Patrocínio, MG e Florianópolis, SC-XX comentou em 17/10 - 14h08
Tufão Koppu deve fazer landfall na ilha de Luzon nas Filipinas nas próximas 6 horas, como categoria 4 ou 5. Acumulados de chuva em alguns locais podem superar 800 mm. Tufão Champi está previsto para se tornar um forte tufão nos próximos dias, porém os modelos não mostram ele ameaçando nenhuma localidade. No Pac. Leste, o ciclone Olaf também está previsto para se tornar um forte ciclone nos próximos dias, mas no momento não ameaça nenhuma localidade.













Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2019
Política de Privacidade