Dias   1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 |
16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 |


    1
Luciano SC      
Bom Dia: Cientistas japoneses realizaram sondagens no fundo do mar a partir de um barco de prospecção, retirando amostras em pontos onde houve deslizamento entre as placas tectônicas no terremoto de 2011 e descobriram que uma camada argilosa entre 1 e 5 metros de espessura localizada entre as placas foi responsável por amplificar os efeitos do grande terremoto de 2011 no Japão. Com a descoberta eles estão mapeando locais onde existe a camada de argila que poderia amplificar os efeitos de outros tremores significativos. Fonte: [Ver site]
everton comentou
Falando em terremoto, já são 7 dias sem a ocorrência de um um abalo forte(6.0)....
everton dos santos comentou
Já já ocorre um. Hoje ocorreram dois moderados no Alasca.
Administrador comentou
Olá pessoal. A média de terremotos entre 6.0 e 6.9 é de 134. Em 2013, até agora tivemos 63, o que significa que ainda podemos ter surpresas. Essas dados são do USGS. Vamos até chegar o algoritmo para ver se está certo isso. :-)
Administrador comentou
Achei um erro. Os dados estão sendo calculados até 29 de junho. Vamos corrigir.
Administrador comentou
O Algoritmo foi corrigido. Daqui a pouco deve mostrar os valores corretos: 120 sismos entre 6.0 e 6.9 até 7 de dezembro de 2013.


    2
Mario      
Olá Rogério, gostaria de tirar uma dúvida! Existe um período do ano em que temos mais incidência de terremotos? e porque? Poderia citar uma teoria da existência dos terremotos? Já ouvi falar até de alinhamentos planetários, mas a influência gravitacional é muito pequena... nessa não creio... Obrigado!
Mario comentou
Desculpe, era para ser postada em 121!
everton dos santos comentou
Olá Mario. Logo abaixo da página tem "perguntas e respostas" sobre terremotos. Algumas das suas respostas estão lá.
Administrador comentou
Olá Mario, tudo bem? Como o Everton disse, tem bastante informação nos links indicados. Entretanto, é importante salientar que não existem meses com maior ou menor incidência de terremotos. Eles acontecem aleatóriamente, independente do mês, "alinhamento planetário", atividade solar, fase da lua, etc. Abraço!
Mario comentou
Obrigado Rogério e Everton, não tinha percebido esse link. Geralmente não me atento para o rodapé das páginas pois são abarrotadas de propagandas. O que não é o caso do PG.


    3
lucfon      
Os habitantes da Terra poderão observar, na noite de 8 de dezembro, um evento extremamente raro - uma chuva de meteoros. O seu número no céu chegará a 15 meteoros por hora. No hemisfério norte, os meteoritos voarão para cima a partir da linha do horizonte. No hemisfério sul, será visível um ponto de constelação Puppid-Velids, de onde partirá a chuva de meteoros. A chuva de meteoros corresponde aos restos de um cometa ou asteroide. Pequenos fragmentos da substância desintegram-se ao entrar na atmosfera, sem deixar vestígios. Leia mais: [Ver site]
Administrador comentou
Olá Lufcon, tudo bem? Dê uma olhadinha nas Regras de Postagem, em especial o ítem número 6, ok? Abraço!
lucfon comentou
Desculpe, entendi equivocadamente a regra, pois pensei que era somente se copiasse texto sem fonte etc... Pode pagar o post. Abraço.
Sousa comentou
obrigado pela a informação amigo. Abraços!
comentou
E tu? É habitante de onde mesmo!



Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2019
Política de Privacidade