Dias   1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 |
16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 |


    1
GERMANOT      
Observem o tufão Jelawat, com 216km/h e observem o vulcão Myoshinsho no Japão, com uma possivel erupção marinha . Uma erupção poderia ocasionar o deslocamento de uma grande massa de agua para a superficie, criando uma camada de agua em evaporação expressiva, o que ocasionaria uma diferença de pressão pela troca abrupta das temperaturas marinhas. Alterando de forma sutil os fluxos de correntes , mas de forma consideravel os ventos. Afinal, seriam toneladas de energia J represada em nuvens, criando um diferencial de pressão expressivo, ao ponto de gerar um tufão. Esta é a minha teoria. Vamos observar novas ocorrências para ver se existe um padrão de interação nestes acontecimentos.



Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2020
Política de Privacidade