Quinta-feira, 20 jan 2022 - 08h37
Por Maria Clara Machado

Aviso especial de onda de calor continua em vigor em Santa Catarina até dia 22

A Defesa Civil de Santa Catarina continua com aviso especial em vigor para uma forte onda de calor no estado. Há dois dias a sensação térmica se aproximou dos 50°C. O alerta segue simultaneamente às temperaturas extremas e históricas que vêm sendo registradas no Rio Grande do Sul, no Uruguai e na Argentina.

Onda de calor deve continuar sobre o estado de Santa Catarina até o fim de semana. Crédito: Região do Parque da Lagoa do Peri/Florianópolis na tarde do dia 19. Divulgação twitter @MonitoramentoSC
Onda de calor deve continuar sobre o estado de Santa Catarina até o fim de semana. Crédito: Região do Parque da Lagoa do Peri/Florianópolis na tarde do dia 19. Divulgação twitter @MonitoramentoSC

Uma massa de quente continua muito forte sobre parte da América do Sul e é apontada pelos meteorologistas como a causa da forte onda de calor, que deve completar duas semanas. Uma espécie de bloqueio ocorre e impede o avanço de frentes frias.

Ouça o Podcast 2022: Onda de Calor escaldante no Hemisfério Sul

Alertas de calor continuam até o sábado
O aviso especial emitido pela Defesa Civil de Santa Catarina alerta para temperaturas entre 36°C e 41°C no extremo oeste e oeste do estado pelo menos até o dia 22 de janeiro. No litoral sul catarinense, as temperaturas ficam acima dos 34°C podendo chegar aos 38°C.
As demais regiões do estado estão na condição de atenção e o calor é acima de 33°C assim como vem sendo observado desde o fim de semana, de acordo com a Defesa Civil.

Mapa de alerta para o calor extremo em Santa Catarina. Crédito: Divulgação Defesa Civil estadual.
Mapa de alerta para o calor extremo em Santa Catarina. Crédito: Divulgação Defesa Civil estadual.

No interior do estado a situação está insuportável porque a sensação térmica no corpo está chegando perto de 50°C. A Defesa Civil reforça os cuidados com a hidratação, especialmente de crianças e idosos, alimentação mais leve, exposições diretas ao sol e atenção com os ambientes fechados.

Rio Grande do Sul continua fervendo
A onda de calor no Rio Grande do Sul também continua implacável e há chance de Porto Alegre e cidades do interior atingir novas marcas históricas no próximo fim de semana.

No último domingo, a sequência de dias quentes resultou em recordes históricos no interior gaúcho. Uruguaiana, que fica na fronteira com o Uruguai, chegou aos 41,8°C, sendo a maior temperatura máxima registrada em 71 anos pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET).
Porto Alegre registrou 40,3°C também no dia 16 e bateu recorde de tarde mais quente em 112 anos.

A máxima chegou aos 41,5°C em São Luiz Gonzaga na quarta-feira, dia 19, batendo recorde de 109 anos de medições oficiais no INMET.

A previsão indica mais um dia com calor excepcional e máximas entre 41°C e 43°C no noroeste gaúcho e perto ou acima de 40°C em muitas cidades gaúchas, inclusive da Grande Porto Alegre.

Acesse também:

Buenos Aires chega a 41 graus e tem apagão em nova onda de calor



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2022