Sexta-feira, 16 jul 2021 - 10h29
Por Maria Clara Machado

Enchentes fora do comum causam devastação e centenas de vítimas na Alemanha

As chuvas torrenciais sobre a Europa provocaram inundações devastadoras e grandes deslizamentos de terra, especialmente no oeste da Alemanha, onde o número de vítimas continua subindo nesta sexta-feira. A Bélgica, a Holanda, a França, a Suíça e Luxemburgo também foram atingidos pelas fortes chuvas.

Rio Ahr transbordou inundando a cidade de Dernau, ao sul de Colonia, após as chuvas torrenciais desta quinta-feira. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter do morador @DavSauer
Rio Ahr transbordou inundando a cidade de Dernau, ao sul de Colonia, após as chuvas torrenciais desta quinta-feira. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter do morador @DavSauer

A situação piorou durante a quinta-feira e as autoridades oficiais falam em 103 mortes confirmadas na Alemanha e 14 na Bélgica. No distrito de Blessem de Erftstadt, ao sul da cidade alemã de Colonia, ocorreu um enorme deslizamento de terra que engoliu cassas e prédios espalhando muita lama por centenas de metros. São 1,3 mil desaparecidos em áreas ao sul de Colonia.

Enchente no distrito de Ahrweiler, ao sul de Colonia, na Alemanha. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @DavSauer
Enchente no distrito de Ahrweiler, ao sul de Colonia, na Alemanha. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @DavSauer

Na cidade de Colonia, a quarta mais populosa da Alemanha, o rio Reno transbordou e provocou inundação em parte do distrito de Deutz deixando ao menos 20 vítimas fatais. Segundo dados divulgados, a chuva foi de 120 milímetros em 24 horas em algumas áreas na região de Colonia.

São pelo menos 114 mil casas sem energia elétrica nos estados da Renânia do Norte-Vestfália e Renânia-Palatinado.

A destruição provocada pela chuva forte e enchentes também foi grande nos países que fazem fronteira com o oeste da Alemanha. As informações de agência internacionais são de que o transporte entre a Alemanha, a Bélgica, Luxemburgo e França foi bastante impactado.

As enchentes provocaram muita destruição em cidades do oeste da Alemanha como em Ahrweiler. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @DavSauer
As enchentes provocaram muita destruição em cidades do oeste da Alemanha como em Ahrweiler. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @DavSauer

Mudanças climáticas e eventos extremos
O sentimento é de perplexidade pela população e pelas autoridades.

Ouça o podcast Enchentes fora do normal no oeste da Alemanha e saiba o que diz o Serviço Meteorológico da Alemanha

As condições meteorológicas extremas foram associadas às mudanças climáticas pelo presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, pedindo um forte comprometimento nesta questão, durante um pronunciamento. Steinmeier afirmou estar profundamente arrasado pela tragédia.

A chanceler, Angela Merkel divulgou comunicado pelo twitter onde também afirmou estar chocada com o evento, prestando condolências aos desaparecidos e familiares das vítimas e agradecendo aos serviços de emergência.

Também o primeiro-ministro estadual da Renânia do Norte-Vestfália, Armin Laschet, reforçou a necessidade de reforçar as medidas contra o avanço das mudanças climáticas nos níveis locais e globais.

São mais de 800 soldados do exército alemão trabalhando nos trabalhos de resgate e na limpeza das cidades. Em muitas áreas, os danos à infra-estrutura foram completos.

Esta é a maior enchente em número de vítimas em pelo menos 60 anos na Alemanha. Uma inundação grave ocorreu no leste do país em 2002 resultando em 21 vítimas fatais na ocasião.

De acordo com o Serviço Meteorológico Alemão (DWD), o sudoeste do país ainda poderá ter fortes chuvas nos próximos dias e a situação de risco permanece.

Ouça o podcast Pantanal: a catástrofe ambiental de 2020 pode ser repetir?



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2021