Sexta-feira, 5 ago 2022 - 09h52
Por Maria Clara Machado

Erupção vulcânica recomeça na Islândia após dez meses de calmaria

Uma erupção vulcânica teve início na tarde da terça-feira, dia 3, na Península de Reykjanes, próximo do monte Fagradalsfjall, região sudoeste da Islândia, onde outra erupção parecida aconteceu no ano passado e as fontes de lava escorreram por seis meses. Especialistas acreditam que o atual evento pode se tratar de uma nova fase ativa.

Vulcão na Península de Reykjanes, na Islândia, está em atividade desde 3 de agosto. Crédito: Icelandic Met Office/Halldór Bjornsson
Vulcão na Península de Reykjanes, na Islândia, está em atividade desde 3 de agosto. Crédito: Icelandic Met Office/Halldór Bjornsson

Já faz dois dias que o fluxo de lava escorre na região numa erupção de fissura, que geralmente não resulta em grandes explosões. De acordo com especialistas, ainda vai demorar um tempo para que o Vale do Meradalir seja preenchido pela lava. Na avaliação de técnicos, a Península de Reykjanes pode estar entrando numa nova fase vulcânica ativa, mas até o momento sem causar maiores danos.

As informações técnicas divulgadas são de que o fluxo de magma é pelo menos cinco vezes maior que a erupção de 2021, que se estendeu de março a setembro, embora, no balanço geral a erupção em si esteja relativamente menor.

Intensa atividade sísmica
Uma intensa atividade sísmica vinha sendo observada nos últimos dias, sendo que o maior tremor atingiu 4.2 magnitudes. Mais de 400 tremores foram registrados na quarta-feira, depois de horas que a erupção começou. Além do fluxo de lava, se observa gás vulcânico e algumas quedas de rochas.

Tremores registrados no sudoeste da Islândia nas últimas 48 horas. Crédito: Escritório Meteorológico da Islândia
Tremores registrados no sudoeste da Islândia nas últimas 48 horas. Crédito: Escritório Meteorológico da Islândia

O modelo de previsão mostra a distribuição do enxofre, gás tóxico, sobre a atmosfera da Península, que possui áreas habitadas, nas próximas 24 horas.

Modelo meteorológico indica a distribuição de enxofre em erupção vulcânica na Islândia para esta sexta-feira, dia 5. Crédito: Escritório Meteorológico da Islândia
Modelo meteorológico indica a distribuição de enxofre em erupção vulcânica na Islândia para esta sexta-feira, dia 5. Crédito: Escritório Meteorológico da Islândia

Situação de atenção
O Escritório Meteorológico da Islândia (Icelandic Met Office) orienta a população a não se aproximar do perímetro da erupção, que acontece a cerca de 30 quilômetros da capital, Reykjanes, e apenas a 15 quilômetros do aeroporto Internacional de Keflavik.São imagens espetaculares que normalmente acabam atraindo muitos curiosos.

Veja imagens da erupção na Islândia divulgadas pelo youtube:

A fissura original foi registrada como 260 metros de comprimento, mas desde então diminuiu para cerca de 130 metros. Também a localização da erupção é favorável, pois não deve atingir a infra-estrutura de áreas próximas como as estradas e as áreas povoadas.

Com relação ao aeroporto, o mais importante do país, a presença de pouca cinza ainda não representa algum perigo imediato para o tráfego aéreo e por isso, não ocorreram interrupções nos voos nos últimos dois dias.

Os ventos sopram de norte e estão levando a maior parte das cinzas em direção ao sul para o oceano. Entretanto, já há indicação pela meteorologia de que os ventos possam mudar de direção durante o fim de semana.

Acesse também:

Vulcão de Santa Bárbara em alerta amarelo após aumento de atividade sísmica

Você também pode se interessas por outros relatórios vulcânicos. Acesse aqui!



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2022