Segunda-feira, 2 ago 2021 - 10h41
Por Maria Clara Machado

Inúmeros incêndios florestais ardem na Turquia e provocam grande evacuação em Bodrum

As temperaturas extremas do verão na Turquia estão impulsionando mais de cem incêndios florestais que atingem descontroladamente o sul do país provocando grande devastação nas matas e moradias desde a quarta-feira. Até o momento, 8 pessoas morreram e mais de mil precisaram ser evacuados da região turística de Bodrum no fim de semana.

Voluntários no combate aos incêndios na Turquia observam um dos focos, de dezenas, que se alastraram na costa sul nos últimos dias. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @AKUTASSOCIATION
Voluntários no combate aos incêndios na Turquia observam um dos focos, de dezenas, que se alastraram na costa sul nos últimos dias. Crédito: Imagem divulgada pelo twitter @AKUTASSOCIATION

De acordo com o Ministério da Agricultura e Florestas da Turquia, foram 111 incêndios florestais que se alastraram desde o dia 28 de julho e seis continuavam ativos em três cidades até o domingo.

A maioria das vítimas fatais era da província de Antália, na costa sul da Turquia. Dois bombeiros também morreram no combate às chamas no último sábado, segundo informações divulgadas pelas autoridades.

Cidades e vilarejos como Manavgat, em Antália, tiveram casas inteiramente queimadas e animais também mortos e feridos pelo fogo. Um balanço inicial do Ministério da Agricultura e Florestas da Turquia fala em dois mil animais atingidos e pelo menos 77 casas destruídas nos incêndios.

Imagem de satélite mostra fumaça dos incêndios tomando o sul da Turquia no domingo, primeiro de agosto de 2021. Crédito: Sentinel-2/Copernicus/ESA
Imagem de satélite mostra fumaça dos incêndios tomando o sul da Turquia no domingo, primeiro de agosto de 2021. Crédito: Sentinel-2/Copernicus/ESA

Uma imagem de satélite adquirida pelo Sentinel-2 da missão Copernicus da ESA, mostra focos e a fumaça se espalhando pela Bacia do Mediterrâneo na Turquia no dia primeiro de agosto.

Zona de desastre e fuga pelo mar
A situação ficou perigosa e 1140 pessoas foram evacuadas em apenas 12 horas de Bodrum, na costa mediterrânea no fim de semana. Centenas de pessoas, grande parte turistas turcos e estrangeiros, deixaram a região às pressas pelo mar, ajudando a manter as estradas desobstruídas para as equipes de bombeiros. Foram vinte barcos na operação, algo que nunca tinha acontecido na região.

O governo Turco declarou zona de desastre cinco províncias da costa mediterrânea após sobrevôo no local.

Várias imagens da situação da região foram amplamente replicadas nas redes sociais. Veja algumas:

Operação de evacuação pelo mar em Bodrum no fim de semana retirou mais de mil turistas da região. Crédito: Imagem divulgada pelas redes sociais
Operação de evacuação pelo mar em Bodrum no fim de semana retirou mais de mil turistas da região. Crédito: Imagem divulgada pelas redes sociais

Crédito: Situação nas estradas em Bodrum. Imagem divulgada pelas redes sociais.
Crédito: Situação nas estradas em Bodrum. Imagem divulgada pelas redes sociais.

Bombeiros combatem o fogo em incêndio no sul da Turquia. Crédito: Imagem divulgada pelas redes sociais.
Bombeiros combatem o fogo em incêndio no sul da Turquia. Crédito: Imagem divulgada pelas redes sociais.

Clima extremo
Os incêndios florestais na Bacia do Mediterrâneo na Turquia tiveram uma séria de agravantes nos últimos dias. As temperaturas máximas estão atingindo 37°C e a umidade do ar apenas 14%. O clima muito quente e seco também contou com ventos em torno de 50 km/h que ajudaram a alastrar as chamas.

Especialistas afirmam que embora a grande maioria dos incêndios turcos seja provocada pela ação humana, as condições extremas do clima estão agravando a situação.

Ouça o podcast Saiba tudo sobre a onda de calor desafiadora no sul da Europa

Onda de calor está espalhando incêndios também na Grécia, na Espanha e na Itália



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2021