Quinta-feira, 17 fev 2022 - 11h42
Por Maria Clara Machado

Quatro ciclones tropicais em Madagascar em um mês

A frequência com que os ciclones tropicais estão se formando sobre o leste da ilha de Madagascar, no oceano Índico, está chamando a atenção este ano. Mais um ciclone tropical, chamado Emnati, está ganhando força sobre as águas da região nesta quinta-feira, dia 17. Emnati é a quarta tormenta a surgir no período de um mês e também deve impactar a ilha africana.

Imagem de satélite mostra o ciclone Emnati sobre as águas do oceano Índico. Ao sudoeste da tormenta estão às Ilhas Maurício. Crédito: JTWC
Imagem de satélite mostra o ciclone Emnati sobre as águas do oceano Índico. Ao sudoeste da tormenta estão às Ilhas Maurício. Crédito: JTWC

O ciclone tropical Emnati produz ventos de 81 km/h com tendência de intensificação, de acordo com os dados do Joint Typhoon Warning Center (JTWC).

Emnati ainda está em mar aberto ao nordeste das Ilhas Maurício (Mauritius) e da Ilha da Reunião (Réunion) e segue lentamente rumo oeste-sudoeste em direção a Madagascar.

Pelas projeções do JTWC, Emnati poderá alcançar as categorias 2 e 3 na escala de ventos Sáffir-Simpson, com rajadas de 185 km/h no fim de semana. O ciclone deve chegar a Madagascar no início da próxima semana.

Trajeto estimado para o ciclone tropical Emnati nos próximos dias. A tormenta deve chegar a Madagascar no início da próxima semana. Crédito: JTWC
Trajeto estimado para o ciclone tropical Emnati nos próximos dias. A tormenta deve chegar a Madagascar no início da próxima semana. Crédito: JTWC

A ilha africana tenta se recuperar das graves destruições ocorridas desde o final de janeiro com a passagem dos ciclones Ana e Batsirai, que deixaram um saldo de 170 mortos e mais recentemente, o Dumako.

Dumako foi menos intenso que Batsirai
Dumako chegou a Madagascar na tarde da última terça-feira, dia 15, e as informações divulgadas ontem pelo Escritório Nacional de Gerenciamento de Desastres são de duas pessoas desaparecidas e mais de 800 desalojadas no nordeste da ilha.

Dumako produziu ventos na ordem de 90 km/h e fortes chuvas ao atravessar a ilha pela região de Analanjirofo.

As autoridades afirmaram que os ventos de Dumako não foram tão violentos quanto os do ciclone Batsirai, que tocou o solo de Madagascar há dez dias, mas a preocupação era com novos deslizamentos de terra e inundações que pudessem em resultar em mais vítimas.

A época comum da formação de ciclones tropicais nesta parte do globo é entre os meses de novembro e abril. Durante toda a temporada de 2020-2021 sete ciclones tropicais se formaram no sudoeste do Índico deixando 56 vítimas fatais.

Acompanhe aqui em tempo real as tempestades ciclônicas ao redor do Globo

Ciclone tropical Dumako será a terceira tormenta a atingir Madagascar em um mês



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2022