Sexta-feira, 4 jun 2021 - 15h17
Por Maria Clara Machado

Rio Negro deve ultrapassar os 30 metros em Manaus na maior cheia em 119 anos

O Rio Negro superou a cheia recorde de 2012 esta semana e alcançou o maior nível em Manaus desde o início das medições na região há 119 anos. O rio continua subindo e poderá atingir em breve a marca dos 30 metros na capital do Amazonas. São 56 municípios e quase meio milhão de pessoas que vem enfrentando as inundações provocadas pelas cheias dos rios em todo o estado.

Cheia do rio Negro de 2021 é maior da história desde o início das medições em 1902. Crédito: Imagem do Centro Histórico de Manaus divulgada pelo twitter @TransitoManaus
Cheia do rio Negro de 2021 é maior da história desde o início das medições em 1902. Crédito: Imagem do Centro Histórico de Manaus divulgada pelo twitter @TransitoManaus

O rio Negro atingiu a marca de 29,98 metros no dia primeiro de junho batendo o recorde até então de 29,97 metros da cheia de 2012, segundo as medições do Serviço Geológico do Brasil (CPRM).

O nível do Negro em Manaus está em 29,99 metros nesta sexta-feira, dia 4 de junho.

As águas continuam subindo e não dão sinais de estabilidade, o que aumenta a preocupação dos moradores. Os especialistas afirmam que o nível do rio Negro poderá ultrapassar os 30 metros nos próximos dias.

De acordo com a Defesa Civil mais de 24 mil famílias são atingidas diretamente pela cheia em Manaus em pelo menos 15 bairros, que contam com centenas de metros de pontes de madeira espalhadas para que a população possa se locomover sobre as áreas alagadas.

Várias ruas estão alagadas em Manaus e o rio Negro continua subindo podendo ultrapassar a marca dos 30 metros. Crédito: Imagem de divulgação Prefeitura de Manaus.
Várias ruas estão alagadas em Manaus e o rio Negro continua subindo podendo ultrapassar a marca dos 30 metros. Crédito: Imagem de divulgação Prefeitura de Manaus.


A rotina é difícil com várias ruas da parte central de Manaus interditadas, casas e lojas invadidas pela água, com a presença de bichos e medo de contaminação, e milhares de famílias dependendo do auxílio do governo e de doações.

A cota de inundação severa do rio Negro em Manaus foi alcançada em 30 de abril, quando o nível ultrapassou a marca dos 29 metros. Manacapuru e Itacoatiara, próximos a Manaus, também estão no status de inundação severa, segundo monitoramento do CPRM.

Fortes chuvas e La Niña
As chuvas fortes que atingiram parte da Região Norte do Brasil desde o começo do ano, influenciadas pelo fenômeno La Niña são apontados como os fatores para a rápida elevação no nível dos rios, segundo os estudiosos de clima. Essa situação de muita umidade já demonstrava que a possibilidade de ocorrências de maiores enchentes seria alta na capital Manaus em 2021.

Acesse também:

Cheia do rio Negro em Manaus iguala recorde histórico de 2012



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2021