Anônimo    RIBEIRÃO PRETO - SP em 12/01 - 09h30   
A Região das Ilhas virgens começou o dia muitos terremotos de leve intensidade, bom dia todos do PG

Anônimo Porto Alegre-RS comentou em 12/01 - 15h27
Bom dia a todos!

-Retornei da viajem que fiz para a cidade de Anchorage no Alasca mas não vou contar detalhes da viajem pois este não é o objetivo do PG.

-Bom, vamos ao que interessa, alguns de vocês podem estar se perguntando como foi estar no local durante um terremoto de tamanha magnitude, mas lamento dizer que não aconteceu absolutamente nada. O terremoto não foi sentido na cidade, ao menos eu e o pessoal com quem eu estava não sentimos, portanto ficamos sabendo do terremoto alguns minutos depois pela televisão, devido ao alerta de tsunami, que NÃO foi emitido para a cidade de Anchorage, pois a mesma está escondida em um local onde as chances de tsunamis são extremamente baixas. Deixo a imagem ao lado (recomendo olharem no google maps). Apesar de este terremoto não ter sido sentido, senti alguns outros de menor magnitude que tiveram o epicentro mais próximo da cidade, mas nada de mais pois os moradores já estão acostumados com esses pequenos tremores.

-Quanto ao clima, foi frio para mim, mas segundo os moradores da cidade este inverno está sendo mais quente que o normal. As médias estão mais altas do que deveriam, mas mesmo assim a menor temperatura que vi foi de -16ºC enquanto a máxima foi de 2ºC, o que não deveria acontecer, a temperatura não deveria passar de -4ºC nessa época. Quanto a neve, caiu diversas vezes enquanto estava lá, mas em pouca quantidade, normalmente não acumulando significativamente no chão. Quase não há neve nas ruas, somente nas praças e casas, o que não é comum.

-No primeiro dia em que estava lá uma tempestade de vento atingiu a cidade com ventos de 70km/h com rajadas de até 100km/h, mas nada que a cidade já não tenha enfrentado, pois os ventos já chegaram a mais de 200km/h há alguns anos. Fiquei impressionado com a variação de temperatura entre as diferentes áreas da cidade, na casa que era nas montanhas a temperatura estava normalmente 3ºC maior em comparação com o centro e as áreas mais baixas, mas a diferença podia chegar aos 8ºC ou mais. A força do vento também mudava muito, muitas vezes no centro não havia qualquer brisa, enquanto na casa os ventos estavam fortíssimos.

-Poderia escrever uma redação para dizer o quão linda e bem organizada é a cidade, mas como ja disse, esse não é o objetivo do PG, mas garanto, que fiquei impressionado com a quantidade de obras que foram feitas na cidade desde a última vez que viajei para la, 3 anos atrás. Não é por acaso que ganharam o premio All-America City 4 vezes, e buscam o quinto título, empatando em primeiro lugar com outras 6 cidades.

-Bom, vou ficando por aqui, até mais!

-(Postei aqui pois havia o tema do terremoto)

Anônimo RIBEIRÃO PRETO-SP comentou em 12/01 - 13h55
Obrigado globais espero poder ajudar sempre esta importante ferramenta que é o painel global,eu aprendo muito aqui, Parabéns a todos!!!!
Anônimo Volta Redonda-RJ comentou em 12/01 - 12h14
Bem lembrado mesmo rone! De acordo com sites de notícias o Governo do Haiti admite ter 15 mil famílias nessa situação. Já se passaram tanto tempo que algumas famílias dividiram o local onde havia apenas barracas em pequenos lotes e estão construindo casas. E visto que o local do acampamento de desabrigados é longe de qualquer fonte de água potável, a disseminação de doenças devido a falta de água limpa e esgoto só pioram ainda mais a situação dos desabrigados haitianos. Ha relatos de que o povo conseguiu arrecadar dinheiro para a perfuração de um poço, o problema é que a água é de baixa qualidade, salgada.
Administrador São Paulo-SP comentou em 12/01 - 09h59
Bem lembrado, Rone!
Anônimo RIBEIRÃO PRETO-SP comentou em 12/01 - 09h37
Hoje está fazendo 3 anos do terremoto no Haiti, foi na tarde de 12 de janeiro de 2010, deixou 200.000 mil mortos e 2 milhões de desabrigados, onde até hoje permanecem 358 mil permanecem em abrigos temporários sem acesso a educação escolar, saneamento,e saúde segundo a organização oxfam













Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2021
Política de Privacidade