Segunda-feira, 10 jun 2019 - 13h13
Por Maria Clara Machado

Manaus em emergência com cheia do Rio Negro

O rio Negro ultrapassou a cota superior a 29 metros e pelo menos 15 bairros das partes mais baixas da cidade começaram a ser afetados pela cheia desde a semana passada. A cheia do rio Negro e do Amazonas fez a Prefeitura de Manaus decretar situação de emergência e prosseguir com a operação SOS Enchente.

Estações de monitoramento de cheias no Amazonas. Crédito: Serviço Geológico do Brasil.
Estações de monitoramento de cheias no Amazonas. Crédito: Serviço Geológico do Brasil.

De acordo com Serviço Geológico do Brasil que controla as medições dos rios e emite alertas, a cota do rio Negro atingiu 29,37 metros na manhã desta segunda-feira, dia 10 de junho e segue subindo em alerta de inundação. As informações da imprensa local na capital Manaus, no Amazonas, são de que o tráfego de veículos está prejudicado e o comércio registra queda no movimento, por conta de ruas inundadas e da dificuldade da locomoção dos pedestres.

Gráfico mostra elevação do nível do Rio Negro nos últimos dias. Crédito: Serviço Geológico do Brasil.
Gráfico mostra elevação do nível do Rio Negro nos últimos dias. Crédito: Serviço Geológico do Brasil.

A cheia histórica do rio Negro foi em maio de 2012, quando atingiu a cota de 29,97 metros.





Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2019