Quarta-feira, 7 out 2020 - 16h36
Por Maria Clara Machado

Furacão Delta toca o solo mexicano provocando estragos e inundações

O furacão Delta tocou o solo da Península de Yucatán pela cidade de Puerto Morelos, a cerca de 30 quilômetros de Cancún, no início da manhã desta quarta-feira. Com ventos de quase 170 km/h, Delta foi rebaixado da categoria 4 para a 2 antes de atingir o território mexicano e provocou estragos e inundações.

Litoral de Cancún ontem a noite, horas antes da chegada do furacão Delta. O furacão tocou o solo mexicano por Puerto Morelos, a cerca de 30 quilômetros de Cancún. Crédito: @webcamsdemexico
Litoral de Cancún ontem a noite, horas antes da chegada do furacão Delta. O furacão tocou o solo mexicano por Puerto Morelos, a cerca de 30 quilômetros de Cancún. Crédito: @webcamsdemexico

A Ilha turística de Cozumel, próxima a Puerto Morelos, no nordeste da Península de Yucatán, sofreu inundações. Foram reportadas várias quedas de postes e árvores de grande porte em Benito Juaréz, cidade vizinha a Cancún, no estado de Quintana Roo.

Por conta dos alertas emitidos pelo Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC), houve tempo para evacuação de vários turistas em Cancún e áreas costeiras de Quintana Roo. Com a ajuda de mais de 700 militares, os turistas foram levados para abrigos improvisados.

A população se preparou estocando alimentos, água e fechando prédios com tábuas de madeira. Não há informações sobre vítimas ou feridos até o momento.

O furacão Delta ganhou força rapidamente no mar noroeste do Caribe e evoluiu para a categoria 4, na escala de ventos Saffir-Simpson, em apenas um dia. Após cruzar a Península de Yucatán, Delta continua sua trajetória sobre as águas quentes do Golfo do México e pode ganhar força novamente atingindo a categoria 3, antes de alcançar o sul dos Estados Unidos.

Imagem de satélite mostra o olho do furacão Delta sobre o sul do Golfo do México depois de ter cruzado a Península de Yucatán nesta quarta-feira. Crédito: NOAA.
Imagem de satélite mostra o olho do furacão Delta sobre o sul do Golfo do México depois de ter cruzado a Península de Yucatán nesta quarta-feira. Crédito: NOAA.

De acordo com o NHC, o centro do furacão Delta está a 110 quilômetros ao leste-nordeste da cidade portuária de Progresso, em Yucatán, já sobre o sul do Golfo do México, na tarde desta quarta-feira. Delta produz ventos máximos de 155 km/h e se move a uma velocidade de 28 km/h.

As projeções do NHC são de que Delta evolua de novo para um grande furacão e se aproxime da costa norte do Golfo, na altura do estado norte-americano da Louisiana na próxima sexta-feira.

Acesse também:

Furacão Delta é categoria 4 e está a caminho da Península de Yucatán

Ouça nosso Podcast Cuba e EUA no caminho do furacão Delta



Procure no Painel


Links Úteis  |  Imprensa  |  Anuncie  |  Fale Conosco  |  Versão Celular  |   Política de Privacidade

Painelglobal.com.br - Todos os direitos reservados - 2008 - 2021